Um novo conceito em Hospital Dia
Siga-nos:

E-mail

clinicaartcorporis@uol.com.br

Telefone

(61) 3542-2782 / 99921-6282

Menu

Cura para a alopecia areata? Saiba mais!

Curta para alopecia areata
Guia de Conteúdo

A alopecia areata é uma doença autoimune que ataca o couro cabeludo, causando a perda de cabelo. A doença afeta homens, mulheres e crianças de todas as idades e raças. Até o momento, não há cura para a condição, mas existem tratamentos que podem ajudar a controlar os sintomas e prevenir a queda de cabelo.

Estima-se que 1 a 2% da população seja afetada pela doença e, embora possa surgir em qualquer faixa etária, cerca de 60% dos seus portadores possuem menos de 20 anos. 

No geral, a queda de cabelo é assintomática, porém, alguns pacientes relatam queimação e coceira, que precedem o aparecimento de placas. 

A queda de cabelo pode ser em áreas específicas ou esparsas pelo couro cabeludo, característica da alopecia areata. No entanto, pode evoluir para a queda total de cabelos. A doença também pode ocasionar alterações na superfície das unhas, atingindo de 10 a 50% dos casos clínicos. 

Neste artigo, vamos abordar os principais sintomas da alopecia areata, bem como as opções de tratamento disponíveis.

Tipos de alopecia


Existem três tipos principais de alopecia:
alopécia areata, alopécia androgenética e alopecia universalis.

A alopecia universalis é a forma mais rara de alopecia, afetando apenas 0,1% da população mundial. A condição resulta na perda total do cabelo em todo o corpo e pode ocorrer devido a problemas autoimunes ou à exposição a substâncias químicas tóxicas.

a alopecia androgenética é a segunda forma mais comum da doença e afeta homens e mulheres por igual. A condição é caracterizada pela perda gradativa do cabelo e pode resultar em calvície completa. 

Por fim, a forma mais comum de alopecia é a areata. A condição chega a afetar cerca de 1% da população mundial e resulta na perda de cabelo em áreas circulares ou em todo o corpo. Porém, é importante saber que a alopecia é uma doença, ou seja, é uma condição diferente da calvície.

Leia também: Como funciona o transplante capilar?

a doença atinge até 1% da população
A alopecia areata chega a afetar cerca de 1% da população mundial. (Foto: Envato Elements)

O que é alopecia areata?


A alopecia areata é uma condição de saúde que pode afetar qualquer pessoa, embora seja mais comum em jovens e adultos jovens. Ela
pode causar perda de cabelo em todo o corpo, incluindo o couro cabeludo, sobrancelhas e pestanas. 

A perda de cabelo geralmente começa com um ou dois pontos no couro cabeludo e, em seguida, se espalha. A maioria das pessoas que sofrem de alopecia areata não fica completamente careca, mas algumas podem perder todos os seus cabelos.

Sintomas e causas da Alopecia Areata


Os sintomas desta condição podem variar de leve a grave. Algumas pessoas apresentam apenas um pequeno espaço sem cabelo no couro cabeludo, enquanto outras ficam totalmente carecas. 

A perda de cabelo geralmente é repentina e não há dor envolvida. No entanto, às vezes a queda pode ser gradual e causar coceira ou vermelhidão antes do cabelo cair.

Embora a causa exata da alopecia areata permaneça um mistério, acredita-se que ela esteja relacionada a fatores imunológicos e genéticos. Em alguns casos, a condição está relacionada a outras doenças autoimunes, como tireoidite de Hashimoto e vitiligo. 

Também é possível que ela esteja relacionada ao estresse. Não há cura para a alopecia areata, mas existem tratamentos disponíveis para minimizar os sintomas e promover o crescimento do cabelo.

Tratamento para alopecia areata


Como falamos anteriormente, não há cura para esta doença, mas o tratamento pode ser eficaz em retardar ou parar a perda de cabelo.

Dessa maneira, o tratamento geralmente envolve o uso de medicamentos que suprimem o sistema imunológico. O principal utilizado no tratamento da alopecia areata é o corticosteróide tópico

Outras medicações que podem ser utilizadas incluem imunossupressores, como metotrexato e ciclosporina, e corticosteróides orais, como prednisona.

Além do tratamento medicamentoso, ainda é possível recorrer às cirurgias reparadoras do couro cabeludo, como enxerto capilar e transplante de cabelo, e terapias fotodinâmicas. 

No entanto, a cirurgia reparadora do couro cabeludo geralmente só é recomendada em casos extremos de alopecia, quando nenhuma outra terapêutica foi eficaz. 

as terapias fotodinâmicas utilizam luzes especiais para destruir as células do couro cabeludo que estão causando a queda de cabelo, sendo mais acessíveis.

Leia também: Laser Lavieen: o que é e quais os benefícios? 

a alopecia areata afeta homens e mulheres
A alopecia areata é uma condição de saúde que pode afetar qualquer pessoa. (Foto: Envato Elements)

Diferença entre calvície e alopecia


Como mencionamos,
a alopecia é uma doença que afeta os cabelos, causando a sua perda. A calvície, por outro lado, é um processo natural que ocorre com o tempo, influenciada por fatores genéticos e que não se caracteriza como uma doença. 

Enquanto a alopecia pode ser causada por vários fatores, a calvície geralmente provém do envelhecimento em conjunto com o fator genético, podendo ser potencializada pelo tabagismo. 

Dessa forma, diante de um cenário de queda de cabelos, o ideal é consultar um médico dermatologista para descobrir sua causa. 

Tratamento para alopecia areata na Clínica Art Corporis


A
Clínica Art Corporis oferece um tratamento inovador para a alopecia areata, que ajuda a controlar a doença e promover o crescimento do cabelo. Além disso, oferecemos outros procedimentos para problemas de pele e de saúde, como acne, rugas e manchas.

Contamos com uma equipe altamente capacitada, com alta tecnologia para oferecer os melhores e mais seguros tratamentos estéticos e de saúde. Entre em contato clicando aqui.

Avalie post
CO2 Fracionado

Clínica Art Corporis

Oferecemos centro cirúrgico, com leitos para internação para outras especialidades.

Categorias

Veja também

pele sensível
Dermatologia

Cuidados Especiais para Pele Sensível

Ter uma pele sensível requer cuidados especiais para mantê-la saudável e protegida. Descobrir a rotina adequada e os produtos certos

Cirurgia Plástica Brasília